Bolhas Bloguistas

NÓS! Literalmente nós! Nós vamos bem com caviar, ao almoço e ao jantar. Estamos bem e a melhorar. Ninguém nos pode parar e Nós sempre a borbulhar. bolhas_bloguistas@yahoo.com.br Um espaço aberto a toda e qualquer futilidade...

segunda-feira, outubro 16, 2006

Já cá estou!

Hello,
Vejo que têm estado animadissimas... Que vida social tão intensa, my god!!! Jantares de gala, acidentes super emocionantes com a Champanhe ao volante, concertos, serenatas, que forró!
Cá estou eu de volta a Macau… Querida Bolha de Champanhe obrigada pela preocupação mas na Birmânia é tudo tão bem programado que só chove de noite veja bem... Tivemos alguns precalços com estradas cortadas mas isso até tornou a nossa viagem mais empolagante e diferente. É bem verdade que as bolhas tiram partido de TUDINHO!!!
Adorei a Birmânia, que país espectacular!!! A companhia não podia ser melhor. As paisagens são de cortar a respiração. Digo-vos que houve momentos em que esfreguei os olhos pois pensei que estava a ter uma miragem tal era a beleza... O povo mais simpático, acolhedor, confiante e sorridente do mundo é sem sombra de dúvida o Birmanês.
Há anos que os meus companheiros de viagem and me my self and I queríamos ir à Birmânia mas dada a situação política do país e o facto de estarem fechados ao exterior tornava tudo mais difícil. Em termos de direitos cívicos e humanos, ninguém pode concordar com o sistema político instaurado... No entanto se pensarmos que as divisas que levamos como turistas vão em parte para o povo Birmanês acabamos por concluir que vale mesmo a pena ir à Birmânia...
Seguimos alguns conselhos da revista Blue Travel, contratamos uma agência local BCBG de 5 estrelas (contactem o Sr. Ainda) e não nos saímos nada mal. Tudo bem organizado e cronometrado ao minuto...
Estivemos em Yangoon (capital), Mandalay, Bagan e Inle Lake. Os dois últimos sítios são tão bonitos que quando os deixei senti uma pedrinha e entrar na alma, ao mesmo tempo que sentia uma enorme gratidão por ter tido a sorte de os visitar... A dita civilização moderna ainda não os conseguiu destruir!
Claro que uma bolha é sempre uma bolha por isso adorei voltar à civilização, poder tagarelar ao telemóvel (até tinha tremores nos lóbulos das orelhas dado o silêncio), lavar os dentes com agua da torneira (não havia sequer àgua fastio), ler na net as aventuras das outras bolhas (não há praticamente internet, acreditam? Não pude consultar a hola online) poder usar sempre sapatos e meias (não é possivel imaginarem como os meus pés estavam encardidos e pestilentos depois de percorrer os templos de Bagan descalça), ter uma pedicure/ manicure (parti as unhas todas) ao meu dispor 24 horas por dia... Agora só precisava de uns dias de férias para descansar das férias!
De qualquer forma, obrigada Birmânia, obrigada companheiros de viagem, por ter sido uma semana inesquecível!!! Até breve.

By the old Moulmein Pagoda, lookin' eastward to the sea,
There's a Burma girl a-settin', and I know she thinks o' me;
For the wind is in the palm-trees, and the temple-bells they say:
"Come you back, you British soldier; come you back to Mandalay!"
Come you back to Mandalay,
Where the old Flotilla lay:
Can't you 'ear their paddles chunkin' from Rangoon to Mandalay?
On the road to Mandalay,
Where the flyin'-fishes play,
An' the dawn comes up like thunder outer China 'crost the Bay!

(excerto do poema Mandalay de Rudyard Kipling)

8 Comments:

Anonymous Anónimo said...

By the old Moulmein Pagoda, lookin' eastward to the sea,
There's a Burma girl a-settin', and I know she thinks o' me;
For the wind is in the palm-trees, and the temple-bells they say:
"Come you back, you British soldier; come you back to Mandalay!"
Come you back to Mandalay,
Where the old Flotilla lay:
Can't you 'ear their paddles chunkin' from Rangoon to Mandalay?
On the road to Mandalay,
Where the flyin'-fishes play,
An' the dawn comes up like thunder outer China 'crost the Bay!

'Er petticoat was yaller an' 'er little cap was green,
An' 'er name was Supi-yaw-lat -- jes' the same as Theebaw's Queen,
An' I seed her first a-smokin' of a whackin' white cheroot,
An' a-wastin' Christian kisses on an 'eathen idol's foot:
Bloomin' idol made o'mud --
Wot they called the Great Gawd Budd --
Plucky lot she cared for idols when I kissed 'er where she stud!
On the road to Mandalay . . .

When the mist was on the rice-fields an' the sun was droppin' slow,
She'd git 'er little banjo an' she'd sing "~Kulla-lo-lo!~"
With 'er arm upon my shoulder an' 'er cheek agin' my cheek
We useter watch the steamers an' the ~hathis~ pilin' teak.
Elephints a-pilin' teak
In the sludgy, squdgy creek,
Where the silence 'ung that 'eavy you was 'arf afraid to speak!
On the road to Mandalay . . .

But that's all shove be'ind me -- long ago an' fur away,
An' there ain't no 'busses runnin' from the Bank to Mandalay;
An' I'm learnin' 'ere in London what the ten-year soldier tells:
"If you've 'eard the East a-callin', you won't never 'eed naught else."
No! you won't 'eed nothin' else
But them spicy garlic smells,
An' the sunshine an' the palm-trees an' the tinkly temple-bells;
On the road to Mandalay . . .

I am sick o' wastin' leather on these gritty pavin'-stones,
An' the blasted Henglish drizzle wakes the fever in my bones;
Tho' I walks with fifty 'ousemaids outer Chelsea to the Strand,
An' they talks a lot o' lovin', but wot do they understand?
Beefy face an' grubby 'and --
Law! wot do they understand?
I've a neater, sweeter maiden in a cleaner, greener land!
On the road to Mandalay . . .

Ship me somewheres east of Suez, where the best is like the worst,
Where there aren't no Ten Commandments an' a man can raise a thirst;
For the temple-bells are callin', an' it's there that I would be --
By the old Moulmein Pagoda, looking lazy at the sea;
On the road to Mandalay,
Where the old Flotilla lay,
With our sick beneath the awnings when we went to Mandalay!
On the road to Mandalay,
Where the flyin'-fishes play,
An' the dawn comes up like thunder outer China 'crost the Bay!

4:07 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Finalmente chegou Bolha Culta!

5:02 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

até tinha tremores nos lóbulos das orelhas dado o silêncio???
LOL!!!

5:02 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

obrigada obrigada??? Que enjoativas...

5:17 da tarde  
Blogger Bolha Mestra said...

Querida, bem vinda!!!! Até fiquei cansada só de ler a descrição da sua viagem!!! Que estafa!!! Tire agora uma férias de praia!!!

5:28 da tarde  
Blogger bolha star said...

Eu sabia que a Birmânia era a sua cara querida Morzinha! já estavamos com saudades suas! wellcome!

10:56 da manhã  
Anonymous Guilherme said...

Sou brasileiro e gostei muito de seus comentários sobre a Birmânia.

Já estou "ensaiando" de ir para a Birmânia já faz tempo. Falta encontrar um bom agente de viagens local. Diferentemente dos outros países da região, imagino que a viagem já deva estar toda preparada, com tudo reservado.

O agente que voce usou, Sr.Ainda, só tem e-mail ou ele também tem uma página da internet ? Voce pagou tudo antes ? É confiável ?

Abraços
Guilherme

3:50 da manhã  
Blogger mor said...

Olá Guilherme,

A agência que utilizei (Ainda Travel Associates Ltd
) é muito fiável. Connosco resultou muito bem. Aliás, li uma reportagem de uma revista portuguesa sobre viagens (Blue travel) que recomendava o sr. Ainda (e-mail Ainda [ainda@mptmail.net.mm], se for a este link encontra o resto dos contactos da Ainda: http://www.tourismmyanmar.org/travels_tours.htm

A Ainda travel tem vários packages e alternativas. Tiverma uma paciência enorme connosco e deram-nos várias opções. Acabamos por ir a Yangoon, Mandalay, Bagan e Inle lake. Acho que não deve perder mesmo uma ida a bagan pois é de cortar a respiração. Penso que vou guardar na memória até ao fim dos meus dias, a paisagem de templos até ao horizonte. O Lago Inle foi uma surpresa muito agradavel.

Quanto à forma de pagamento, fiz o que costumo fazer nestas viagens pela Asia (vietnam, cambodja, etc) paguei um sinal por tranferência (cerca de metade) e quando cheguei paguei em USD o resto.

Espero ter sido útil.
Até breve.

12:01 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home

Counters
University of Phoenix Pimp MySpace.com
Number of online users in last 3 minutes