Bolhas Bloguistas

NÓS! Literalmente nós! Nós vamos bem com caviar, ao almoço e ao jantar. Estamos bem e a melhorar. Ninguém nos pode parar e Nós sempre a borbulhar. bolhas_bloguistas@yahoo.com.br Um espaço aberto a toda e qualquer futilidade...

quinta-feira, maio 11, 2006

Taj Mahal Forever

Cara Mor,
Está tudo bem por aqui excepto uma piquena novidade, um tal de Marco Fábio que teve o desplante de postar a torcer pelas pragas-pindéricas. Mas se quer que lhe diga nem li, tal como a Desperate recuso-me a sequer pensar que essa gentalha existe e a melhor forma de os combater é com o manto da nossa indiferença.
Queria contudo corroborar as suas impressões sobre o Rajastão - é que não há realmente locais mais românticos que os maravilhosos e sumptuosos palácios com suites lindérrimas que, nalguns casos, superam as das nossas maisons. Lembro-me que na minha suite no Palácio de Samode tomei um banho de imersão de água de rosas e jasmim, numa banheira de mármore branco, a olhar pela janela para distant hills a perder de vista. Un sueno. De todos os palácios não sei qual eleger, se o Palácio Rosa de Jaipur, se o imponente Umaid Bhavan de Jhodpur ou o mais acolhedor Ajit Bhavan. Pensando bem, talvez o eleito seja o Lake Palace de Udaipur porque acordar com os pássaros e ver o lago aos nossos pés como um espelho sereno e azul é algo de inesquecível mesmo! Até para Bolhas viajadas como nós.
E ali ao lado, embora não já tecnicamente no Rajastão, fica o lindissimo Taj Mahal, o monumento de AMOR pois foi construído por Shah Jahan, um imperador Mogul, em memória da esposa, Mumtaz Mahal ("A joia do palácio") que ele amava loucamente e morreu após dar a luz o 14º filho. O Taj Mahal foi construído sobre seu túmulo, junto ao Rio Djamna. O imperador tinha ideias de fazer para ele um outro Taj Mahal, na outra margem do rio, e em mármore preto; assim, ele e a Mumtaz ficariam para a eternidade a olhar um para o outro, mas acabou deposto por um de seus filhos. Bem e porque vos falo nessa maravilha? Porque foi aí, exactamente aí, enquanto olhava distraída o rio, do cimo da amurada rendilhada do Taj Mahal, que esta Bolha vossa amiga foi pedida em casamento pelo Bolhão! Sim, Bolhão que se ajoelhou como manda a tradição e abriu a caixinha mágica donde saltou o anel mai lindo que possam imaginar. Claro que perante o cenário - o momento foi o por-do-sol - o pedido foi aceite imediatamente e sem reticências. Não poderia ter sido mais original e romântico!
Portanto cara Mor, continue a deambular pelo Rajastão enquanto puder, com o seu Bolhão e as vaquinhas por companhia, que quando regressar vai demorar algum tempo a perceber se foi sonho ou realidade.

4 Comments:

Blogger Fã das Bolhas said...

Olha-me esta, olha!!! Ganda aldrabona, pá!!! A dizer que foi pedida em casamento no Rajastão quando ela foi para lá com uma ganda amiga mha lá de Massamá, a Fiona!! Eu vi fotos da gaja la no Rajastão com a minha amiga,pá, toda amiguinha da outra e agora armada em fina que foi com o bolhão!! Tás a ver Andreia, as gajas são todas umas mentirosas! Uns sopapos nas ventas é o que mereciam por tentar enganar a gente!!!!

3:26 da tarde  
Blogger AndreiaDoroteiaNevesYY said...

Marquito, vá lá, acalma-te se faz favor, cá pra mim os comprimidos que andas a tomar estão-te a fazer mal. Não estás a ver que com o teu post e estes comentários marados não me estás a ajudar? Elas não são tão má raças como as pintas. Vá, liga-me para o telemóvel para falarmos.

3:33 da tarde  
Blogger Fã das Bolhas said...

Ok, mô, por ti eu faço tudo!!! Mas então diz às gajas que se achandrem e que não me atirem areia para os olhos!!

3:44 da tarde  
Blogger AndreiaDoroteiaNevesYY said...

Sabes que elas gostam de levar com areia nos olhos, faz parte da cena delas, tás a ver? Por isso é que andam todas com aqueles óculões que lhes tapam metade da cara, é a ver se poupam as pupilas. É tudo um jogo, acredita.

3:54 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home

Counters
University of Phoenix Pimp MySpace.com
Number of online users in last 3 minutes